terça-feira, 20 de agosto de 2013

Um desabafo sobre o Projeto Mais Educação

.A quem interessar..

Hoje de manhã recebemos a notícia do fechamento do Mais Educação no Colégio Abigail. Eu estou arrasada e decepcionada. Primeiro, porque acabei de voltar de licença maternidade e não fui consultada sobre o fechamento do projeto, tive que engolir a decisão tomada antes do meu retorno e ainda senti que julgaram o fracasso da aulas pelo fato de eu não estar lá desde o começo do ano.  Segundo, porque nem tive a oportunidade de realizar o meu trabalho, que você sabe muito bem como é. Sem contar o fato de não apenas eu, mas outras pessoas que perderam aulas e o emprego. É claro que isso também me preocupa...

Mas acima das minhas aulas extraordinárias e de tudo isso estão nossos alunos. Os alunos que participaram do programa passam a desacreditar completamente na escola, que cortou deles algo que certamente achavam "legal", no sentido de se divertir, se entrosar com os amigos, etc... Sei que muitos alunos vão para o mais educação para almoçar, jogar bola e conversar com os amigos. Mas qual o problema nisso??? Mais uma vez a escola volta a ser só um espaço de imposição de conteúdos, matando as outras possibilidades na raiz, ou seja, mostrando às crianças e aos jovens que ali é um local "de trabalho", tão somente.

E os pais? Apostaram na escola e resolveram ter alguma atividade no dia em que o filho deveria estar no contraturno da escola... E agora ela é simplesmente cancelada, e o pior... a pedido da escola... Me questiono sobre os reais motivos do pedido deste cancelamento...

Problemas? Eles surgem sozinhos. E todos temos uma parcela de culpa. Eu, por estar de licença maternidade e não ter retornado a tempo de tentar reverter a situação. E os outros... bem... cabe a eles saber o que fizeram de errado. Sei que fiz o melhor que pude nessas duas semanas de aula...

Eu, como professora do Projeto e de sala de aula, sei a diferença que isso faz na vida dos alunos. No Sertãozinho, nossas atividades ja estão surtindo efeito, e alunos que haviam desistido estão retornando. Fora a empolgação enquanto desenvolvem as atividades. Fora a diferença em sala... O que vejo do mais educação e que algumas pessoas acreditam que ele seja curricular, apenas. E esquecem de ver seu lado recreacional e lúdico. Que se faz tão essencial para nossos alunos...

As minhas aulas... bem... pela lei posso tirar aula de algum pss ou de um professor que não seja formado na área e esteja dando aula. Mas, acho que estou perdendo muito mais que 6 aulas... E os alunos também perdem...e  a escola também perde... e a sociedade... e assim vai...

Já dizia o provérbio "QUEM QUER ARRANJA UM MEIO, QUEM NÃO QUER, ARRANJA DESCULPAS". . Continuo fazendo a minha parte e te garanto que continuo dando o meu melhor para que o Projeto dê certo. Mas precisava registrar aqui a minha indignação. E uma hora a gente cansa de trabalhar sozinho... Porque continuo? Porque penso nos professores que quero para meus filhos.

Att.
Prof Daiana Holz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Falando nisso... deixe seu comentário: